MULHER FORTE – Nossa homenagem a presidente da Rede Feminina de Combate ao Cancer

Publicado em Categorias Últimas

dia

 

Moema Arnaud já nasceu predestinada a ser destaque na vida social de João Pessoa.

Ainda criança, com apenas 6 anos de idade, a caçula do casal Moema e Antonio Carneiro Arnaud, juntamente com seus irmãos Aracy, Dalva e Antonio Filho, sentiram forte impacto com a repentina mudança para Brasília, onde o seu pai, eleito Deputado Federal, fixou residência por 8 anos consecutivos.

Na capital da República, a criança Moeminha logo se adptou à nova vida. Gostava de ver seu pai defendendo, na tribuna do Congresso, os interesses do povo e de sua terra natal. Foi um tempo de aprendizado, de novas experiências, em que a semente foi plantada para, no tempo oportuno, desabrochar plena de vigor e sabedoria.

Anos depois, já em plena adolescência, retornou à João Pessoa, quando o seu genitor foi eleito o Prefeito da Capital do nosso Estado. Aqui continuou seus estudos no Colégio das Lourdinas. Fez vestibular e concluio o curso de Ciências Jurídicas na UNIPÊ e, posteriormente, fez pós-graduação em Administração Hospitalar na UFPB.

A cidadã MOEMA GUEDES ARNAUD se dedica de corpo e alma a dirigir os destinos da Rede Feminina de Combate ao Câncer, e já desponta no cenário social como uma verdadeira líder, na luta diária que com muita garra e dedicação vem defendendo os direitos dos menos afortunados – os Portadores de Câncer Carentes do Estado da Paraíba.

Tem demonstrado no seu dia-a-dia que traz no sangue o ideal da solidariedade dos seus pais e antepassados, que vencendo verdadeiras batalhas, aqui instalaram o Hospital Napoleão Laureano, cuja Presidência da Fundação Napoleão Laureano, foi exercida com zelo e eficiência pelo seu tio-avô Deputado Federal Janduhy Carneiro e, hoje é ocupado com o mesmo denodo pelo seu genitor o médio Antonio Carneiro Arnaud.

Ela lembra que foi no colo materno que aprendeu a amar e cuidar dos interesses das classes sofridas, pois sua mãe Moema Carneiro Guedes Arnaud, ao lado de D. Zélia Henriques e outras voluntárias, foi uma das pioneiras na fundação da Rede Feminina de Combate ao Câncer em João Pessoa.

Hoje, Moema é uma jovem mãe dedicada, que no seu cotidiano sempre encontra espaço para louvar e agradecer a Deus pelos bens recebidos, isto é, o amor de seus familiares, a felicidade que hoje desfruta junto aos filhos, o carinho e respeito dos colegas de trabalho e a solidariedade das companheiras Voluntárias na luta contra o câncer.

0Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *