TRANSMISSÃO – O prefeito Romero Rodrigues entra de licença e o vice Ronaldinho Cunha Lima assume a Prefeitura de Campina Grande

Publicado em Categorias Últimas

1 2 3a 3b 3c 3d 3e 4a 4B 5 6 7 8 10 11 11A 11AA 11B 12 13 14

FOTOS – Jaciara Aires

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, já está de licença. Ele passou o cargo ao vice-prefeito Ronaldo Cunha Lima Filho, que está oficialmente à frente do Poder Executivo. Romero disse que estará resolvendo problemas particulares durante o período de quinze dias do mês de julho. Ele tirou a licença sem remuneração, ou seja, sem custos ao poder público municipal.

Romero Rodrigues fez a transmissão de cargo ao vice-prefeito, Ronaldo Cunha Lima Filho, no Gabinete do Prefeito, na presença de um grande número de autoridades. Antes foi celebrada uma Missa em memória póstuma por um ano da morte de Ronaldo Cunha Lima.

Filho do poeta, ex-prefeito e ex-governador Ronaldo Cunha Lima, “Ronaldinho” assumiu o cargo em meio ao transcurso de cerimônias que relembraram um ano da morte do seu pai. Coube a Ronaldinho, no exercício do posto, comandar o encerramento do “Maior São João do Mundo”, que teve dimensão na gestão do pai na prefeitura na década de 80 e foi continuada por Cássio, senador da República, quando também ocupou o Palácio do Bispo, sede da municipalidade.

Na passagem do cargo para o vice Ronaldinho, o prefeito Romero Rodrigues fez um balanço das principais ações administrativas de sua gestão e enalteceu a vida pública do ex-governador Ronaldo Cunha Lima. No final do seu discurso, Romero afirmou que boa parte do sucesso de sua vida pública é mérito da sua esposa Micheline Rodrigues.

Em seu discurso Ronaldinho Cunha Lima elogiou Romero Rodrigues e disse que a sua principal preocupação é fazer com que Campina Grande não sinta a ausência do prefeito titular.

0Shares