Bispo Dom Delson celebra 40 anos de vida franciscana com missa no Seminário Diocesano

Publicado em Categorias Últimas

000 00 00a 00b 00c 00d 00e 00f 00g 00h 0 1 1A 1B 1C 1D 1E 1F 1G 1H 1I 1J 1L 1M 1N 1O 1P 1Q 1R 1S 2 2A 2B 2C 2D 2E 2F 2G 2H 2I 2J 2L 2M 2N 2O 2P 2Q 2R 2T 2U 2V 2X 2Y 2Z 3 3B 3C 3D 3E 3F 3G 3H 3I 3J 3L 3M 3N 3O 3Q 3R 3S 3T 3U 3Y 3Z 4 4A 4B 4C 4D 4E 4F 4G 4H 4I 4J 4L 4M 4N 4O 4P 4Q 4R 4T 4U 4V 4X 4XXX 4YY 4Z 4ZZZ 4ZZZZ 11 14 17 100 101 102 103

Em 15 de janeiro de 1975, o jovem baiano Manoel Delson fazia sua primeira Profissão Religiosa na ordem dos Frades Menores Capuchinhos. Para celebrar estes 40 anos de vida franciscana, o bispo de Campina Grande presidiu ontem, uma solene Concelebração Eucarística, no Seminário Diocesano São João Maria Vianney. A celebração começou às 10 horas, e contou com a presença do clero local além de padres e bispos vindos de outras dioceses, como a de Caicó, Salvador e Recife.

O prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues e o deputado federal Rômulo Gouveia prestigiaram Dom Delson e participaram atentamente da missa ao lado de convidados e da sociedade campinense.

“Pra mim é um data muito especial. Eu sempre quis ser padre, desde criança. Aos 12 anos entrei para o Seminário Menor dos Capuchinhos, em Feira de Santana, e nunca pensei em ser outra coisa se não um frade”, relata dom Delson, lembrando seus primeiros passos na vida religiosa. O bispo ainda falou sobre as missões que foram surgindo ao longo dos anos, como formador, ministro provincial até Definidor Geral para a América Latina, junto à Cúria Geral dos Capuchinhos e, em seguida, a missão episcopal. Mas para dom Delson, o único sentido da sua missão é o de servir. “Tenho sentido, ao longo da minha vida, este amor de Deus que me chamou e me confiou uma missão: a de avisar que o reino de Deus está próximo. Quero fazer isso fazendo o bem às pessoas, ajudando suas vidas, perdoando os seus pecados, renovando sua esperança, incentivando para que elas perseverem no bem… essa é a minha missão”, disse emocionado.

Logo após a missa, Dom Delson e mais de 100 padres participaram de um almoço nos jardins do Seminário Diocesano que teve a assinatura do chef Genaldo Cardoso com a marca Pirauá.

Parabéns Dom Delson – saúde, paz e muita luz no seu caminho!

0Shares