Vice-presidente da Nobile, Ricardo Pompeu, ressalta a importância do agente de viagens para o sucesso da hotelaria brasileira

Publicado em Categorias Destaques, Últimas

pompeu

Em entrevista ao site Panrotas, o vice-presidente da Nobile Hotéis, Ricardo Pompeu, não titubeou ao ser questionado sobre a influência do agente de viagens na distribuição de vendas da rede. Além de ressaltar a importância do papel do profissional para os resultados positivos da empresa, Pompeu arriscou uma previsão futurista: “O Brasil nunca vai poder deixar de trabalhar com o agente”.

Para o executivo, o agente de viagens faz parte da cultura do Brasil. “O brasileiro gosta do contato visual com outras pessoas, inclusive na hora de comprar uma viagem”, disse. “O agente tem a capacidade de gerar credibilidade ao produto e ao próprio hoteleiro”, completou.

No balanço final deste ano, a distribuição de vendas da administradora ficou da seguinte forma: 16% vindas do mercado web, 22% dos canais próprios da empresa, da Windham e da Red Roof, 35% a 40% das agências corporativas e de lazer, e cerca de 27% de operadoras e tripulações.

Pompeu destacou ainda outros resultados da Nobile ao longo de 2016. Segundo ele, a ocupação média dos empreendimentos atingiu 67%, enquanto a receita por apartamento disponível (Revpar) e a diária média ficaram na casa dos R$ 145 e R$ 202, respectivamente.

O fundador e presidente Roberto Bertino completou a fala de Pompeu lembrando que a Nobile já espera um crescimento de 7% na ocupação para o próximo ano. As expectativas para o avanço da diária média, no entanto, não são tão otimistas. “Esperamos uma melhora significativa em 2019, porém alguns dizer que o índice só deve subir em 2021”, avaliou.

pompeu-2

Ricardo Pompeu, Roberto Bertino e Rafael Menna – da Nobile

A rede e administradora hoteleira Nobile reuniu sua equipe de todo o Brasil para celebrar o ano e planejar metas para 2017. No anúncio mais importante da noite, o fundador e presidente da empresa, Roberto Bertino, afirmou que a rede vai dobrar o portfólio de hotéis até 2018.

nobile

FONTE – SITE PARONTAS/ COLUNA ROBERTA QUEIROZ

0Shares